sábado, 31 de maio de 2008

JOGOS RECREATIVOS

Tanto na infância como na adolescência e também na fase adulta é muito mais agradável e prazeroso realizar o aprendizado através de ações lúdicas: brincadeiras, recreações e jogos.
Essas atividades, além de fazerem com que o aprendizado se torne mais atraente, permitem a absorção dos conceitos que estão sendo repassados, facilitando, desse modo aprendizagem.
Os jogos, adaptados e adequados às características do público alvo, servirão como excelentes auxiliares no seu desenvolvimento físico, mental, social, emocional e moral. Contribuem ainda e decisivamente na construção do conhecimento.
Sejam livres ou dirigidos, a influência na vida daqueles que os utilizam será sempre de grande monta, porque são um excelente eio de se travar conhecimento e relacionamento com um mundo exterior e sua conseqüente adaptação à realidade.
Não sendo apenas um meio de diversão, devem ser considerados como recurso auxiliar para o desenvolvimento de habilidades necessárias a uma participação efetiva e eficiente, quer seja no relacionamento com os colegas, na cooperação grupal, quer no exercício de papéis, tanto principais como secundários, na obediência e recebimento de ordens, e no exercício da paciência.
Ao selecionar um jogo deve-se ter o cuidado de observar se existe adequação à faixa etária dos participantes, se o espaço físico disponível é suficiente para a atividade, se o material exigido se encontra preparado, se a atividade guarda relação com o conteúdo no qual está inserida e se atende ao objetivo proposto..
É importante ter presente que o jogo não deve ser uma atividade isolada e, sim, estar relacionado ao conteúdo abordado quando será agente de avaliação, fixação, introdução ou sondagem.
Os jogos recreativos sempre exerceram grande fascínio no ser humano, vindo, de século a século, aumentando o seu prestígio.
Ao longo da evolução humana, o lúdico tem contribuído decisivamente para a evolução dos seres e do processo ensino-aprendizagem, colaborando na construção da cultura das diversas raças povos e sociedades. As regras e limites estabelecidos para o desenvolvimento dos jogos e o atingimento de seus objetivos auxiliam na formação do caráter de maneira agradável, divertida, voluntária e consciente. O jogo recreativo permite que se estabeleça relação com o mundo, facilitando o entendimento e a adaptação do ser à realidade que o envolve.
Durante a infância, mas especificamente entre os 6 e 8 anos de idade, a educação é de fundamental importância para o ser, pois é justamente nesta fase que se consolidam os hábitos, atitudes,valores e esquemas mentais que delineiam e direcionam a constituição da personalidade.
O convívio social e o desenvolvimento de habilidades motoras são extremamente importantes para o crescimento físico e a evolução moral e espiritual da criança.
Nas muitas vezes em que as potencialidades não conseguem ser identificadas, o jogo recreativo pode ser o agente que irá auxiliar nas atividades relacionadas ao ensino-aprendizagem.
Deve-se ter em mente que, quando se aplica um jogo recreativo, produz-se nos jogadores uma excitação mental agradável. Ele deve, também, garantir e manter a espontaneidade dos participantes fixando-se o conceito de que o mais importante não é ganhar ou perder e, sim, participar.
Os jogos, quando utilizados de maneira correta e consciente, são muito eficientes para a fixação, a introdução e a transmissão do conhecimento de forma a atraente, motivadora e participativa

sexta-feira, 30 de maio de 2008

MUDE......

ROTINA NA AULA SOCIO-CONSTRUTIVA

1. Leitura compartilhada - O professor lê todos os dias para os alunos, vários tipos de textos como: notícias, contos, poesias, histórias, fábulas, etc.
Lê por prazer, sem cobrar atividades nenhuma após esta leitura.
Objetivos: Professor enquanto modelo de leitor. Desenvolver no aluno o prazer pela leitura.

2. Roda de conversa - Professor e alunos conversam sobre assuntos variados.
Objetivos: Desenvolver no aluno a competência/oralidade. Falar o que pensa em grupos diversos, ouvir e respeitar as falas e pensamento de outras pessoas, dialogando, trocando, sendo crítico, etc.
Pode-se propor ao final o registro num texto coletivo do assunto debatido. O texto deve ser curto ( de preferência um parágrafo).
Sugestão: Criar caixas na sala com temas variados e neste momento, um destes temas, uma notícia, por exemplo, é sorteada.

3. Agenda - Atividade de cópia de texto com função social na língua (letramento)
Objetivos: Desenvolver técnicas de escrita (escrever da esquerda para a direita na linha, com capricho, etc.), além de registro diário das atividades realizadas durante a aula para acompanhamento dos pais.

4. Atividades de leitura - Esta atividade e imprescindível para a alfabetização. Todos os dias os alunos deverão desenvolvê-la. Lembre-se o bom escritor é antes um bom leitor. Deve ser realizada preferencialmente com textos que já sejam do domínio dos alunos que ainda não sabem ler convencionalmente.
Objetivos: Ler quando ainda não sabe ler (convencionalmente). Ajustar o falado ao escrito. Desenvolver a leitura.
Atividades de leitura: Leitura de ajuste, localizar palavras no texto (iniciar com substantivos) Ordenação de textos (frases, palavras), palavras cruzadas, caça. - palavras, adivinhas, localização de palavras nos textos, roda de leitura, roda de poesia, empréstimo de livros, projetos de leitura, etc.
É fundamental que intervenções tais como o trabalho com a letra inicial e final das palavras sejam feitas constantemente.

5. Atividades de escrita - Só se aprende ler, lendo e só se aprende a escrever, escrevendo. Copia é uma coisa, produção de escrita é outra. Na atividade de escrita, a criança escreve do jeito que ela sabe (hipótese de escrita) e o professor faz intervenções necessárias em relação à escrita, direto com o aluno.
Objetivos: Avançar na reflexão da Língua. Resolver a letra a ser usada (qualidade de letra), quantas letras usar (quantidade de letras), escrever textos com sentido (inicio, meio e fim), revisar ortografia e gramática, etc.
Atividades de escrita: Propor atividades de escrita com o alfabeto móvel completar textos (lacunas no início ou no final da frase), produção escrita de textos individuais e coletivos (listas, histórias, contos, etc.), reescrita de texto que se sabe de cor, revisão de textos, palavras cruzadas (sem banco de palavras), etc.

6. Atividade móvel - Este espaço é para que cada professor trabalhe de acordo com sua turma, jogos matemáticos, sala de leitura; Ciências, Estudos Sociais, Recreação e Artes.
É importante lembrar que nosso dia-a-dia escola, devemos estar desenvolvendo atividades de caráter interdisciplinar e transdisciplinar.

7. Atividade de casa - A atividade de casa é alvo de dúvidas e críticas por parte dos pais e dos professores (ou porque não tem "dever de casa" ou porque tem “dever de casa” demais ou porque “os alunos não fazem o dever”, etc.). O ideal é que a atividade de casa, planejada com antecedência, seja um desafio interessante, difícil, mas possível, que o aluno possa resolver sozinho.
Objetivo: Criar o hábito de estudar fora da escola, desenvolver a autonomia e a auto-aprendizagem.

Atividades de casa - Cruzadinha, caça-palavras, empréstimo de livros (6◦ feira trazer na 2◦ feira), leitura de textos e posterior ilustração, coletar rótulos, ler algo interessante e trazer para sala de aula, coletar materiais de sucata, observar fenômenos da natureza para posterior relato, pesquisas orais e escritas, etc.

Fonte: Curso FAP (Prefeitura Municipal de Duque de Caxias)
DO BLOG DE Deborah Melissa

AINDA TOMAREMOS UM CAFÉ

Um professor, diante de sua classe de filosofia, sem dizer uma só palavra, pegou um pote de vidro, grande e vazio, e começou a enchê-lo com bolas de golf.
Em seguida, perguntou aos seus alunos se o frasco estava cheio e,
imediatamente, todos disseram que sim.
O professor então, pegou uma caixa de bolas de gude e a esvaziou dentro do pote.
As bolas de gude encheram todos os vazios entre as bolas de golf.
Voltou a perguntar se o frasco estava cheio e voltou a ouvir de seus alunos que sim.
Em seguida, pegou uma caixa de areia e a esvaziou dentro do pote.
A areia preencheu os espaços vazios que ainda restavam e ele e perguntou novamente aos alunos, que responderam que o pote agora estava cheio.
O professor pegou um copo de café (líquido) e o derramou sobre o pote umedecendo a areia.
Então o professor falou:
'Quero que entendam que o pote de vidro representa nossas vidas.
As bolas de golf são os elementos mais importantes, como Deus, a
família e os amigos. São com as quais nossas vidas estariam cheias e repletas de felicidade.
As bolas de gude são as outras coisas que importam: o trabalho, a casa bonita, o carro novo, etc.
A areia representa todos as pequenas coisas. Mas se tivéssemos colocado a areia em primeiro
lugar no frasco, não haveria espaço para as bolas de golf e para as de gude.
O mesmo ocorre em nossas vidas. Se gastarmos todo nosso tempo e
energia com as pequenas coisas nunca teremos lugar para as coisas realmente importantes.
Prestem atenção nas coisas que são primordiais para a sua felicidade.
Brinquem com seus filhos, saiam para se divertir com a família e com os amigos,
dediquem um pouco de tempo a vocês mesmos, busquem a Deus e creiam nele, busquem o conhecimento, estudem, pratiquem seu esporte favorito...
Sempre haverá tempo para as outras coisas, mas ocupem-se das bolas de golf em primeiro lugar.
O resto é apenas areia.'
Um aluno levantou e perguntou o q representava o café.
Bom que me fizestes esta pergunta, pois o café serve apenas para demonstrar
que não importa quão ocupada esteja nossa vida, sempre haverá lugar paratomar um café com um grande amigo.

Vale a pena refletir...

( Procure encenar o texto abaixo junto com os pais no dia da reunião de pais, para que reflitão o quanto é importante ter tempo com seus filhos, para isso faça algumas adaptações no texto).

PENSAMENTOS...

" Se não morre aquele que escreve um livro ou planta uma árvore, com mais razão, não morre o educador, que semeia vida e escreve na alma"
Jean Piaget


"Mestre não é quem sempre ensina, mas quem de repente aprende".
(Guimarães Rosa)



"Assim como uma única isca não pode atrair qualquer tipo de peixe, uma metodologia única não é capaz de alcançar diferentes tipos de alunos."
( Monica Valéria ,minha amiga)


" O vento é o mesmo mas sua resposta é diferente em cada folha"
Cecília Meireles


“Contaram-me e Esqueci
Vi e Entendi
Fiz e Aprendi”
Confúcio



Quem pensa muito faz pouco. As pessoas entram em nossa vida por acaso, mas não é por acaso que elas permanecem.

(Lilian Tonet)



... Quem sabe faz a hora, não espera

acontecer...


Não tenho um caminho novo. O que eu tenho de novo é um jeito de caminhar. (Thiago de Melo)


O melhor educador é aquele que conseguiu educar a si mesmo
(Sabedoria oriental)

"Quem conduz e arrasta o mundo não são as máquinas, mas as idéias."
Victor Hugo

"Eduquem os meninos e não será necessário castigar os homens"
(Pitágoras)

“Um livro é como uma janela: quem não o lê fica distante dela e só pode ver uma pequena parte da paisagem."
(Kahlil Gibran, escritor indiano)


"Não se pode ensinar nada a um homem. Pode-se apenas ajudá-lo a encontrar a resposta dentro dele mesmo."
(Galileu Galieli, cientista italiano)


"A tarefa essencial do professor é despertar a alegria de trabalhar e de conhecer."
(Albert Eisntein, cientista alemão, Como Vejo o Mundo)


"Ninguém ignora tudo. Ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa. Todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre."
(Paulo Freire, educador brasileiro)


"Perigoso não é o homem que lê, é o que relê."
(Voltaire, filósofo francês)


"Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina."
(Cora Coralina, poetisa brasileira)

"Ser educador é ser um poeta do amor. Educar é acreditar na vida e ter esperança no futuro. Educar é semear com sabedoria e colher com paciência."

Augusto Cury



“Longo é o caminho do ensino por meio de teorias; breve e eficaz por meio de exemplos.” (Sêneca, filósofo romano - Epístolas )


"Não concordo com uma única palavra do que dizes, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-las"
(Voltaire)


"Procure ser um homem de valor, em vez de procurar ser um homem de sucesso."
(Albert Einstein)


"Tratai os bons com bondade e os maus com justiça"
(Confúcio)


"Educar é construir, é libertar o ser humano das cadeias do determinismo ...".
Paulo Freire


"Carpe Diem" quer dizer "colha o dia". Colha o dia como se fosse um fruto maduro que amanhã estará podre. A vida não pode ser economizada para amanhã.

(Rubem Alves)

Recados e Imagens - Blogs - Orkut

Recados, Gifs e Imagens no Glimboo.com

REMÉDIOS PARA O PROFESSOR E A EDUCAÇÃO...

O trabalho deve ser fonte de realização e prazer, mas pode causar sofrimento e enfermidades. Pesquisa NOVA ESCOLA e Ibope feita em 2007 com 500 professores de redes públicas das capitais revelou que mais da metade dos entrevistados sofre de estresse. Soluções para essa epidemia têm sido discutidas e colocadas em prática em diferentes níveis: secretarias criam programas de prevenção, escolas reorganizam processos e educadores buscam formas criativas de enfrentar as dificuldades do dia-a-dia. Todas elas, além de contribuir para o bem-estar e o desempenho do profissional, têm impacto positivo na qualidade da Educação. Os "remédios" prescritos - tanto no sentido de prevenção quanto no de tratamento - são gestão, formação, organização do tempo, trabalho em equipe, relacionamento com os alunos, infra-estrutura, currículo e valorização social. Nenhum combate sozinho todos os sintomas, mas, associados, eles podem formar um coquetel eficaz para acabar com a situação de impotência diante de um sistema tão doente.

DIA 31 DE MAIO- DIA MUNDIAL DE LUTA CONTRA O TABACO

JOGO DE IMAGINAÇÃO

" Aventura na Caverna "
~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Adaptação de Ivanise Meyer
♥♥♥
Com as crianças em círculo, fique no círculo também, convide-os a fazer um passeio até uma caverna. Mas será um passeio diferente, pois usaremos a imaginação.
Explicar que eles não poderão sair do lugar, os movimentos é que contarão a história.
♥♥♥
- Vamos passear? (4)
- Olha lá uma rua! (1)
- Vamos atravessar?
- Chiii! Por cima não dá, por baixo não dá, mas tem que passar! (2)
- Vamos caminhando.
- Olha lá uma ponte! (1)
- Vamos atravessar?
- Chiii! Por cima não dá, por baixo não dá, mas tem que passar! (2)
- Vamos passar.
- Cuidado que a ponte está velha! (3)
- Olha lá uma árvore? (1)
- Vamos passar?
- Chiii! Por cima não dá, por baixo não dá, mas tem que passar! (2)
- Vamos dar a volta. (5)
- Vamos continuar caminhando.
- Olha lá um rio! (1)
- Vamos atravessar?
- Chiii! Por cima não dá, por baixo não dá, mas tem que passar! (2)
- Vamos nadar! (6)
- Vamos sacudir porque a roupa ficou molhada!
- Olha lá um morro! (1)
- Vamos atravessar?
- Chiii! Por cima não dá, por baixo não dá, mas tem que passar! (2)
- Vamos subir... (7)
- Vamos descer... (7)
- Vamos caminhar.
- Olha lá uma caverna! (1)
- Vamos entrar?
- Chiii! Está tão escuro... (8)
- Epa! Tropecei em algo. Vou pegar. Peguei alguma coisa peluda! (9)
Que coisa quente, que nariz gelado, que dentões...
- Parece que é... uma onça!!!!!
- Vamos correr?
- Olha o morro!
- Vamos subir, vamos descer!
- Olha lá o rio!
- Vamos nadar!
- Olha a árvore!
- Vamos dar a volta!
- Olha a ponte!
- Vamos passar!
- Cuidado, não pode correr senão ela cai. (3)
- Olha a rua!
- Vamos atravessar!
- Ufa! Até que enfim! Chegamos!!!
♥♥♥
Sugestão dos movimentos:
(1) Colocar a mão na testa como se fosse avistar algo.
(2) Fazer movimentos com as mãos para cima e para baixo.
(3) Bater com as mãos nas coxas como se estivesse andando bem devagar.
(4) Bater com a mãos nas coxas como se estivesse caminhando.
(5) Dar uma meia-volta no mesmo lugar.
(6) Movimento com os braços como se estivesse nadando.
(7) Movimento como se estivesse subindo e descendo.
(8) Fechar os olhos.
(9) Fazer o movimento como se estivesse tocando em algo.
(10) Fazer todos os movimentos anteriores, só que em ritmo acelerado.
♥♥♥
As crianças curtem muito essa brincadeira! Conforme aprendem o refrão, vamos contando juntos. Eu conto batendo meu pandeirinho, como se fosse uma "música".
Vale a sua interpretação e a imaginação! Você pode criar outros lugares.
Já tive crianças que até viram a onça...
Depois disso fizemos um "mapa" indicando nosso percurso até a caverna.
Essa brincadeira "dá pano pra manga..."
Recados Para Orkut

[violet]***[/violet] Novas animações de Sabedoria!


quarta-feira, 28 de maio de 2008

AS 10 FRASES QUE EU, CRIANÇA, QUERO DIZER AOS MEUS PAIS E AOS ADULTOS À MINHA VOLTA

1. As minhas mãos são pequenas: por favor não esperem a perfeição ao fazer a cama, desenhar, atirar e agarrar uma bola.As minhas pernas são pequenas: por favor abrandem para eu vos poder acompanhar.
2. Preciso de encorajamento para crescer. Por favor sejam brandos nas vossas críticas. Lembrem-se: podem criticar o que faço sem me criticarem a mim.
3. Os meus olhos não vêem o mundo do mesmo modo que os vossos. Por favor deixem-me explorá-lo em segurança. Não me impeçam de o fazer sem necessidade.
4. Os meus sentimentos ainda estão tenros. Não impliquem comigo o tempo todo. Tratem-me como desejariam ser tratados.
5. As tarefas domésticas estão sempre a precisar de ser feitas. Só sou pequeno por pouco tempo. Por favor percam tempo a explicar-me as coisas deste fantástico mundo em que vivemos e façam-no de boa vontade.
6. Por favor não vão "fazer por cima" tudo o que eu faço. Isso dá-me a idéia de que os meus esforços nunca alcançam as vossas expectativas.Sei que é difícil, mas não me comparem a outras crianças.
7. A minha existência é uma dádiva. Cuidem de mim como é esperado, responsabilizando-me pelas minhas ações, dando-me linhas de orientação e disciplinem-me de um modo afetuoso.
8. Por favor não tenham medo de ir passar fora um fim-de-semana. Os filhos precisam de férias dos pais como os pais precisam de férias dos filhos. É uma bela maneira de mostrarem como a vossa relação é especial.
9. Por favor dêem-me a liberdade para tomar decisões que me dizem respeito. Deixem-me falhar, para que eu possa aprender com os meus erros. Assim, um dia estarei preparado para tomar as decisões que a vida me exigirá.
10. Por favor dêem-me todas as oportunidades para eu aprender e bons exemplos para eu seguir. Assim poderei tornar-me numa pessoa verdadeira, certa e humana.

Se escutarmos, compreendermos e interiorizarmos todos estes dizeres a Criança desenvolver-se-à em plenitude!

domingo, 25 de maio de 2008

TAPETINHO VERMELHO

Uma pobre mulher morava em uma humilde casinha com sua neta muito doente.
Como não tinha dinheiro sequer para levá-la a um médico, e vendo que, apesar de seus muitos cuidados e remédios com ervas, a pobre criança piorava a cada dia, resolveu iniciar a caminhada de 2 horas até a cidade próxima em busca de ajuda.
Chegando no único hospital público da região foi aconselhada a voltar pra casa e trazer à neta junto, para que esta fosse examinada.
Quando ia voltando, já desesperada por saber que sua neta não conseguia sequer levantar da cama, a senhora passou em frente a uma Igreja e como tinha muita fé em Deus, apesar de nunca ter entrado em uma Igreja, resolveu pedir ajuda.
Ao entrar, encontrou algumas senhoras ajoelhadas no chão fazendo orações.
As senhoras receberam a visitante e, após se inteirarem da história, a convidaram para se ajoelhar e orar pela criança.
Após quase uma hora de fervorosas orações e pedidos de intercessão ao Pai, as senhoras já iam se levantando quando a mulher lhes disse:
- Eu também gostaria de fazer uma oração.
Vendo que se tratava de uma mulher de pouca cultura, as senhoras retrucaram:
- Não é necessário. Com nossas orações, com certeza sua neta irá melhorar.
Ainda assim a senhora insistiu em orar, e começou. Deus, sou eu, olha, a minha neta está muito doente Deus, assim eu gostaria que você fosse lá curar ela Deus, você pega uma caneta que eu vou dizer onde fica.
As senhoras estranharam, mas continuaram ouvindo.
- Já está com a caneta Deus? Você vai seguindo o caminho daqui de volta pra Belo Horizonte e quando passar o rio com a ponte você entra na segunda estradinha de barro, não vai errar tá.
A esta altura as senhoras já estavam se esforçando para não rir; mas ela continuou.
- Seguindo mais uns 20 minutinhos tem uma vendinha, entra na rua depois da mangueira que o meu barraquinho é o último da rua, pode ir entrando que não tem cachorro.
As senhoras começaram a se indignar com a situação.
- Olha Deus, a porta está trancada, mas a chave fica embaixo do tapetinho vermelho na entrada, o senhor pega a chave, entra e cura a minha netinha. Mas olha só Deus, por favor! Não esquece de colocar a chave de novo embaixo do tapetinho vermelho senão eu não consigo entrar quando chegar em casa...
A esta altura as senhoras interromperam aquela ultrajante situação dizendo que não era assim que se deveria orar, mas que ela poderia ir pra casa sossegada pois elas eram pessoas de muita fé, e Deus, com certeza, iria ouvir as preces e curar a menina.
A mulher foi pra casa um pouco desconsolada, mas ao entrar em sua casinha sua neta veio correndo lhe receber.
- Minha neta, você está de pé, como é possível!
E a menina explicou.
- Eu ouvi um barulho na porta e pensei que era a senhora voltando, porém entrou um homem muito alto com um vestido branco em meu quarto e mandou que eu levantasse, não sei como, eu simplesmente levantei.
E quase em prantos, a menina continuou.
- Depois ele sorriu, beijou minha testa e disse que tinha de ir embora, mas pediu que eu avisasse a senhora que ele ia deixar a chave embaixo do tapetinho vermelho...
Um pouco de fé, leva-nos até Deus!
Muita fé traz Deus até nós !
(Autor desconhecido)

VIAGEM À LUA

É uma técnica de recreação utilizada para despertar o grupo para a aprendizagem, possibilitando que os participantes se percebem mutuamente.
Objetivo Geral: estimular a percepção grupal, frente à utilização de diferentes critérios.
Objetivo Específico: integrar os participantes do grupo.
Ambiente Físico: os participantes devem estar dispostos em círculo e todos devem usar crachás com seus nomes visíveis.
Duração: aproximadamente 30 minutos.
Procedimentos e aplicação: o instrutor diz: "Vamos fazer uma viagem à lua. Eu sou da alfândega e determino o que cada um irá levar". Participa, em seguida o que levará e pergunta ao participante à sua direita o que ele irá levar, e assim sucessivamente.
O instrutor adota algum critério para aceitar as propostas apresentadas pelos participantes, mas não esclarece qual é o critério utilizado. No caso de alguém já conhecer o jogo ou descobrir porque as respostas são aceitas, o instrutor solicita-lhe que o auxilie na condução do jogo, sem dar dicas (diretamente). Muitos critérios poderão ser escolhidos. Por exemplo:
* Levar objetos que, no momento do jogo, estão sendo portados pelo participante sentado à sua direita (óculos, sapatos pretos, relógio prateado, etc).
* Levar objetos portados pelos participantes à sua esquerda.
* Levar coisas concretas ou abstratas, cujas palavras comece ela mesma inicial do seu nome/do participante à sua esquerda/direita.
Quando a maioria do grupo já houver descoberto o critério que comanda as escolhas, para envolver todos novamente, o instrutor pode e deve mudar o critério até então utilizado, dando mais chance àqueles que ainda não haviam descoberto.

A HISTÓRIA DO LÁPIS

O menino olhava a avó escrevendo uma carta. A certa altura, perguntou:
- Você está escrevendo uma história que aconteceu conosco? E por acaso, é uma história sobre mim?
A avó parou a carta, sorriu, e comentou com o neto:
- Estou escrevendo sobre você, é verdade. Entretanto, mais importante do que as palavras, é o lápis que estou usando. Gostaria que você fosse como ele, quando crescesse.
O menino olhou para o lápis, intrigado, e não viu nada de especial.
- Mas ele é igual a todos os lápis que vi em minha vida!
- Tudo depende do modo como você olha as coisas. Há cinco qualidades nele que, se você conseguir mantê-las, será sempre uma pessoa em paz com o mundo.

“Primeira qualidade: você pode fazer grandes coisas, mas não deve esquecer nunca que existe uma Mão que guia seus passos. Esta mão nós chamamos de Deus, e Ele deve sempre conduzi-lo em direção à Sua vontade”.
“Segunda qualidade: de vez em quando eu preciso parar o que estou escrevendo, e usar o apontador. Isso faz com que o lápis sofra um pouco, mas no final, ele está mais afiado. Portanto, saiba suportar algumas dores, porque elas o farão ser uma pessoa melhor..”
“Terceira qualidade: o lápis sempre permite que usemos uma borracha para apagar aquilo que estava errado. Entenda que corrigir uma coisa que fizemos não é necessariamente algo mau, mas algo importante para nos manter no caminho da justiça.”
“Quarta qualidade: o que realmente importa no lápis não é a madeira ou sua forma exterior, mas o grafite que está dentro. Portanto, sempre cuide daquilo que acontece dentro de você.”
“Finalmente, a quinta qualidade do lápis: ele sempre deixa uma marca. Da mesma maneira, saiba que tudo que você fizer na vida irá deixar traços, e procure ser consciente de cada ação.”
Utilize este texto para transmitir uma mensagem sobre o valor que cada um tem e sobre os dons dados por Deus e como nós os utilizamos.
auto desconhecido - texto recebido por email

DINÂMICA - O PRESENTE

Para fazer essa dinâmica é necessário uma caixa com bombons ou outra goloseima que possa ser divida entre todos. Disfarce a caixa fazendo um embrulho em bonito, se possível coloque em outra caixa maior com alguma coisa para fazer peso e barulho (pedra, revista, brinquedo, etc).

Deixe os participante curiosos para saber o que há dentro. Questione-os se sabem o que há dentro da caixa e se querem para si ou não.
Escolha uma pessoa bem alegre, entregue o presente e leia para ela o texto o abaixo, e essa pessoa deverá escolher outra que julgue ter a característica citada e entregar o presente, lendo o texto seguinte até terminar as opções.
Não há problema se alguém for escolhido mais de uma vez, mas vale lembrar aos participantes que dêem preferência a quem ainda não foi para que todos possam participar.

ALEGRIA! ALEGRIA!
Hoje é festa, pessoas como você transmitem otimismo e alto astral. Parabéns, com sua alegria passe o presente a quem acha mais INTELIGENTE.

INTELIGENTE
A inteligência nos foi dada por Deus. Parabéns por ter encontrado espaço para demonstrar este talento, pois muitas pessoas são inteligentes e a sociedade, com seus bloqueios de desigualdade, impede que eles desenvolvam sua própria inteligência. Mas o presente ainda não é seu. Passe-o a quem lhe transmite PAZ.

PAZ
O mundo inteiro clama por paz e você gratuitamente transmite esta tão grande riqueza. Parabéns! Você está fazendo falta às grandes potências do mundo,responsáveis por tantos conflitos entre a humanidade. Corn muita Paz, passe o presente a quem você considera AMIGO.

AMIGO
Diz uma música de Milton Nascimento, que "Amigo é coisa para se guardar do lado esquerdo do peito, dentro do coração". Parabéns por ser amigo, mas o presente. . .ainda não é seu. Passe-o a quem você considera DINÂMICO.

DINÂMICO
Dinamismo é fortaleza, coragem, compromisso e irradia energia. Seja sempre agente multiplicador de boas idéias e boas ações em seu meio. Parabéns! Mas passe o presente a quem acha mais SOLIDÁRIO.

SOLIDÁRIO
Parabéns! Você prova ser continuador e seguidor dos ensinamentos de CRISTO.Solidariedade é de grande valor. Olhe para os amigos e passe o presente a quem você considera ELEGANTE.

ELEGANTE
Parabéns! Elegância (beleza, etc...) completa a criação humana e sua presença torna-se marcante, mas o presente ainda não será seu, passe-o a quem você acha mais BELO.

BELO
Parabéns! A beleza torna a presença ainda mais marcante. Mas o presente não será seu. Passe-o a quem você acha mais OTIMISTA.

OTIMISTA
Otimista é aquele que sabe superar todos os obstáculos com alegria, esperando o melhor da vida e transmite aos outros a certeza de dias melhores. Parabéns por você ser uma pessoa otimista! É bom conviver com você, mas o presente ainda não será seu. Passe-o a quem você acha COMPETENTE.

CONPETENTE
Competentes são pessoas capazes de fazer bem todas as atividades a elas confiada se em todos os empreendimentos são bem sucedidas, porque foram bem preparadas para a vida. Essas são pessoas competentes como você. Mas o presente ainda não é seu. Passe-o a quem você considera CARIDOSO.

CARIDADE
A caridade é como diz São Paulo aos Coríntios: "Ainda que eu falasse a língua dos anjos, se não tiver caridade sou como o bronze, que soa mesmo que conhecesse todos os mistérios, toda a ciência, mesmo que tomasse a fé para transportar montanhas, senão tiver caridade de nada valeria. A caridade é paciente, não busca seus próprios interesses e está sempre pronta a ajudar, a socorrer. Tudo desculpa, tudo crê, tudo suporta, tudo perdoa". Você que é assim tão perfeito na caridade, merece o presente. Mas mesmo assim, passe o presente a quem você acha PRESTATTVO.

PRESTATIVO
É aquele que serve a todos com boa vontade e está sempre pronto a qualquer sacrifício para servir. São pessoas agradáveis e todos se sentem bem em conviver. Você bem merece o presente. Mas ele ainda não é seu. Passe-o a quem você acha que é um ARTISTA.

ARTISTA
Você que tem o dom da Arte e sabe transformar tudo, dando beleza, luz, vida,harmonia a tudo que toca. Sabe suavizar e dar alegria a tudo que faz. Admiramos você que é realmente um artista, mas o presente ainda não é seu. Passe-o a quem você achaque tem FÉ.


Fé é o dom que vem de Deus. Feliz de você que tem fé, pois com ela você suporta tudo, espera e confia porque sabe que Deus virá em socorro nas horas difíceis e poderá ser feliz. Diz o salmo 26 "O Senhor é a minha luz e minha salvação, de quem terei medo?" Se você acredita e espera tanto de Deus, sabe também esperar e ter fé nos homens e na vida e assim será feliz. Mas o presente não é seu, pois você não precisa dele. Passe-o a quem você acha que tem o espírito de LIDERANÇA.

LIDERANÇA
Líderes são pessoas que sabem guiar, orientar e dirigir pessoas ou grupos, com capacidade, dinamismo e segurança. Junto de você que é líder sentimos seguros e confiamos em tudo o que você diz e resolve fazer. Confiamos muito em você, que é líder, mas o presente ainda não é seu. Passe-o a quem você acha mais JUSTO.

JUSTO
Justiça! Foi o que Cristo mais pediu para o seu povo e por isso foi crucificado.Mas não desanime. Ser justo é colaborar com a transformação de nossa sociedade.Mas já que você é muito justo, não vai querer o presente só para você. Abra e distribua com todos, desejando-lhes FELICIDADES!

E assim o presente é distribuído entre todos!
autor desconhecido

PRESENTES DIÁRIOS DE DEUS!

Nada na vida acontece em vão...

Se um dia ao acordar, você encontrasse, ao lado da sua cama, um lindo pacote embrulhado com fitas coloridas, você o abriria, antes mesmo de lavar o rosto, rasgando o papel, curioso para ver o que havia dentro...
Mas no dia seguinte, lá está outra caixa...
mais uma vez, você abre correndo, e dessa vez há alguma coisa da qual você gosta muito...
Uma lembrança de alguém distante, uma roupa que você viu na vitrine, a chave de um carro novo, um casaco para os dias de frio ou simplesmente um ramo de flores de alguém que se lembrou de você...
E isso acontece todos os dias, mas nós nem percebemos...
Todos os dias quando acordamos, lá está, à nossa frente, uma caixa de presentes enviada por Deus, especialmente para nós: um dia inteirinho para usarmos da melhor forma possível!
Às vezes ele vem cheio de problemas, coisas que não conseguimos resolver, tristezas, decepções, lágrimas...
Mas outras vezes, ele vem cheio de surpresas boas, alegrias, vitórias e conquistas...
O mais importante é que, todos os dias, Deus embrulha para nós, enquanto dormimos, com todo o carinho, nosso presente: O DIA SEGUINTE!
Ele cerca nosso dia com fitas coloridas, não importa o que esteja por vir...
a esse dia quando acordamos, chamamos PRESENTE...
O PRESENTE de Deus pra nós.
Nem sempre Ele nos manda o que esperamos, o que queremos...
Mas Ele sempre, sempre e sempre, nos manda o melhor, o de que precisamos, e que é sempre muito mais do que merecemos...
Abra seu PRESENTE todos os dias, primeiro agradecendo a quem o mandou, sem se importar com o que vem dentro do "pacote“.
Sem dúvida, Ele não se engana na remessa dos pacotes.
Se não veio hoje o PRESENTE que você esperava, espere...
Abra o de amanhã com mais carinho, pois a qualquer momento, os sonhos e planos de Deus pra você chegarão, embrulhadinhos pra PRESENTE!
DEUS não atende as nossas vontades, e sim nossas necessidades.
Ainda bem!!!

MUDANÇAS

Um homem, ao retornar para casa, viu uma placa na parede da cozinha. Ela havia sido colocada ali, é claro, por sua querida esposa.
A placa continha uma mensagem simples: "A oração muda as coisas!".
Vinte e quatro horas depois a esposa notou que a placa havia sido removida da parede de sua casa.
Ela chamou o marido e lhe perguntou: "Você não gosta de oração?"
Ele respondeu: "Claro que eu gosto de oração. Mas eu não gosto de mudanças!"
Muitas vezes oramos a Deus pedindo algo mas não estamos preparados para receber uma resposta diferente daquela que planejamos.
Deus sabe o que é melhor em cada situação e nós devemos nos alegrar por tudo que Ele faz.
Quando orar, não espere simplesmente que Deus faça a sua vontade. Peça que Ele faça a vontade
dele.
Sua bênção será muito maior.

sábado, 17 de maio de 2008

A ORAÇÃO DA ESCOLA

Analogia entre uma viagem de trem e a vida

MUITO LINDO ESTE VÍDEO

quinta-feira, 8 de maio de 2008

PARA TODAS AS MÃES UM FORTE ABRAÇO, BEIJOS. FELICIDADES NESTE DIA DAS MÃES.

Recados Para Orkut

[violet]***[/violet] Novas animações de Parabéns!


terça-feira, 6 de maio de 2008

quinta-feira, 1 de maio de 2008